Stedile na cadeia: Líder do MST pode ser preso preventivamente após graves ameaças, veja o vídeo

O líder do MST, João Pedro Stedile, em entrevista à Folha de São Paulo, afirmou que em 2024 as invasões de terra irão aumentar. Diante das ameaças, o deputado federal Ubiratan Sanderson (PL-RS) pediu à Procuradoria Geral da União (PGR) que Stedile seja investigado e responsabilizado penalmente, com risco de ser preso.

“Os produtores rurais não vão aceitar invasões de propriedade privada. Está evidente que há uma ‘jogada ensaiada’ entre MST e governo Lula, para que as ações truculentas e ameaçadoras do MST voltem a assustar o campo”, ressaltou o parlamentar.

Veja o vídeo:

Autor desta matéria:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *