Britney Spears e pai chegam a acordo em disputa legal encerrando briga pela tutela

Na última quinta-feira, 25 de abril de 2024, o Tribunal Superior de Los Angeles testemunhou o desfecho de uma longa batalha legal entre a renomada cantora Britney Spears e seu pai, Jamie Spears, culminando em um acordo que marcou o fim de uma era de tutela e controle.

A controvérsia, que se arrastava por 13 anos, girava em torno da tutela sob a qual Britney viveu sob o domínio de seu pai. Mesmo após o término da tutela em novembro de 2021, Jamie Spears insistia em que os honorários advocatícios fossem pagos pela cantora, levando a uma prolongada disputa judicial.

O advogado de Britney, Mathew S. Rosengart, confirmou à imprensa americana o acordo alcançado, mas os detalhes específicos permaneceram confidenciais. O empresário buscava cerca de US$ 2 milhões, embora não tenha sido revelado se esse montante foi de fato pago por Britney.

Em suas declarações, Rosengart enfatizou o significado desse acordo para Britney: “Embora a tutela tenha terminado em novembro de 2021, o desejo [de Britney] de liberdade agora está verdadeiramente completo. Como ela desejou e instruiu, sua liberdade agora inclui o fato de ela não precisar mais se envolver em tribunais ou se envolver em procedimentos legais neste assunto.”

A juíza Brenda Penny, que já havia ordenado o fim da tutela de Britney Spears em novembro de 2021, após uma ampla mobilização nas redes sociais em apoio à artista, testemunhou agora o desfecho dessa disputa legal.

Autor desta matéria:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *